sábado, março 26, 2005

Eu quero é carne!!!

Não será segredo para alguns que eu sou agnóstico. Não quero com isto dizer que não respeito as crenças de cada um. O que me custa a aceitar é o facto de limitarem as opções de outras pessoas, que deveriam ser livres de ter outras crenças, ou mesmo nenhuma crença espiritual/religiosa.
Está uma pessoa naquele bar que a gente bem sabe qual é, e às tantas da madrugada, quando a barriga começa a sentir aquela necessidade de chamar a atenção, a dar algum sinal de solidão/vazio, só apetece mesmo comer um belo de um pão com chouriço.
Um gajo chega-se ao balcão e o que lhe dizem é que nessa noite não fazem pães com chouriço...porque tem chouriço...
Não estou a querer dizer que eles eram obrigados a ter o pão com chouriço (não iria obrigar um restaurante indiano a ter carne de vaca, por exemplo)...simplesmente não sabia que aquele bar tinha tão forte consciencialização vincadamente cristã... enfim, vivendo e aprendendo.
Não me faz muito sentido seguir rituais que foram inventados há 2000 anos atrás, principalmente quando esses rituais acentam em praticas que não fazem lembrar a ninguem...
Não quero parecer intolerante, mas tambem gostava que não o fossem comigo...esta coisa de ficar sem comer carne... mas quem inventou isto?? Mentia se dissesse que não era capaz de sobreviver se ficasse um dia sem comer a saborosa carne, mas gostava de ter o direito de escolher, em vez de ficar preso a uma tradição de sabe-se lá quantos séculos atrás.
É como já dizia o outro “Quem não sabe fazer croché...dedica-se ao macramé”.




0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home



referer referrer referers referrers http_referer