sábado, abril 05, 2008

Um tema já focado aqui


A minha irmã enviou-me um e-mail muito interessante que, no meio da introdução histórica e após alguns pequenos testes, rezava assim:

"O daltonismo pode representar uma vantagem evolutiva sobre as pessoas portadoras de visão normal, tal como foi descrito num artigo publicado pela BBC Online.

Uma pesquisa feita por cientistas da Universidade de Cambridge demonstrou que algumas formas de daltonismo podem, na verdade, proporcionar uma visão mais aprimorada de algumas cores:

Durante a 2ª Guerra Mundial descobriu-se que os soldados daltónicos tinham mais facilidade em detectar camuflagens ocultas na mata.

Os daltónicos possuem uma visão nocturna superior à de uma pessoa com visão normal.

Eles também são capazes de identificar mais matizes de violeta do que as pessoas com visão normal.

A maioria dos daltónicos não sabe que possui esta anomalia.

A percepção das cores varia muito de uma pessoa com daltonismo para outra.

O pintor Vincent van Gogh sofria de daltonismo.

A incidência de daltonismo é maior entre os descendentes de Europeus.

Os daltónicos vêem, em média, entre 500 a 800 cores.

Normalmente as cores predilectas de quem tem esta alteração genética são o azul ou roxo, por serem cores vivas.

Para os daltónicos o arco-íris não possui 7 cores."



E isto levanta-me uma série de questões antigas:
- violeta? mas aquilo é igual ao azul!!
- roxo? mas aquilo é igual ao azul!!
- sete cores no arco-iris? o dia 1 de Abril já lá vai, não caio nessa...
- espero bem não perder uma orelha, apesar de tudo até gosto delas.
- já me tinham dito que as minhas visões eram melhores que as de outras pessoas, mas a isso chama-se alucinações, disseram-me um dia...

Obrigado pelo mail, mana. :)




0 Comments:

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home



referer referrer referers referrers http_referer