terça-feira, junho 17, 2008

A (des)tempo


Quanto tempo mais vai demorar a vida a voltar a pulsar? Quanto tempo tem de se esperar até que alguém se lembre de nos dar aquele toque que faz com que o motor da vida volte a carburar, fazendo-nos crer que será ininterruptamente e sem fim marcado…?
Quando é que uma fonte que secou há tanto tempo pode voltar a jorrar energia e alegria como se fosse apenas água a correr livremente de uma nascente intemporal…? Quanto tempo demora, mesmo sabendo que já foi há tanto tempo que nem se consegue lembrar de quando essa fonte secou…?
Tanto tempo vai passando que já nem lembro do tempo que passou, nem onde começou nem qual o pormenor que fez esse tempo começar a contar, esse tempo de espera que não tem meio de acabar…
Quanto tempo demora o tempo a passar, quando parece que a espera é eterna…?




0 Comments:

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home



referer referrer referers referrers http_referer