segunda-feira, maio 14, 2007

Trinta por uma linha


Imagem de gak.

Este texto devia ter sido colocado aqui ontem... a gripe não deixou, tal como outras obrigações a que o dia em si obrigava.
Não é bem fazer “trinta por uma linha”, como diz o título. Como sempre, fica sempre algo por fazer. Assim sendo, para ser correcto teria de retirar o “por uma linha”. E ainda bem, porque “linha” pode ter conotações a consumo de certas substancias proíbidas, coisa que não seria verdade. Não tenho esses vícios e muito menos estaria em tal estado que fizesse qualquer coisa por uma “linha”.
Pois bem... isto tudo para dizer que parece que (parece não, é mesmo) afinal há mais um trintão charmoso, inteligente, atraente e altamente desejavel no mundo... tirando a parte do “charmoso, inteligente, atraente e altamente desejavel”, evidentemente.
Já agora, parece que no outro dia tinham razão, quando ouvi dizerem que “a partir dos 30 a garantia acabou”.




0 Comments:

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home



referer referrer referers referrers http_referer